31 de agosto de 2013

Quer ver a parte 1? Clique aqui! Veja também o post com 100 curiosidades sobre a Suécia!

Três meses em Estocolmo, já deu pra descobrir mais detalhes da cidade... Então aí vai a segunda listinha com as curiosidades e costumes daqui:

Google images
1 - Segundo meu professor do SFI, os suecos são muito desapegados. Aqui não é comum, depois que você se casa, visitar ou ligar para os pais aos finais de semana, por exemplo... No entanto, esses dias vim conversando com uma senhorinha simpática no metrô que disse que encontra a filha todo final de semana. Enfim, vai de cada um. Em geral, os suecos são frios sim, mas sempre tem as exceções, né!?

2 - Quando a mulher tem bebê aqui, o pai também tira uma licença bem grandinha. A mãe fica sem trabalhar por doze meses e o pai por seis meses, ambos recebendo 80% do salário. É muito comum ver os homens carregando o carrinho do bebê sozinho em todos os lugares. Esses dias eu ouvi o comentário "enquanto o pai cuida da criança, as mulheres estão jogando futebol". Sim, as mulheres aqui jogam futebol bem melhor que os homens!

3 - Os suecos gostam muito de números. A maioria dos suecos sabe de cor quantos metros quadrados tem cada cômodo da casa, inclusive a garagem.

4 - As pessoas aqui são super pontuais!

5 - As pessoas aqui encaram a nudez de forma muito natural. Se você for à praia, é comum ver muitas pessoas trocando de roupa ali mesmo, na frente de todo mundo. =O
Falando nisso, lembrei do post que uma amiga brasileira que mora aqui fez no Facebook sobre a academia. Segue o texto:

"Hoje dei início ao projeto "Karla quer ficar gostosa em 2014" e algumas coisas interessantes aconteceram na minha "zona especial de tortura" ou academia, que seja. Na "ZET" sueca o instrutor não te enche o saco e também não fica lá o dia inteiro conversando e se olhando no espelho, você marca um horário e ele aparece, te mostra o que você quer saber e vai embora. Não é necessário exame físico pra começar... Aqui existe fé publica, se você foi malhar é porque acha que pode. Quer se matar, se mata! Quando falei em atestado médico o cara da recepção até riu da minha cara e ainda disse: por que deveríamos pedir isso? Se a pessoa não pode fazer exercício ela não vai fazer! E se ela desconfia que não pode vai ao médico por conta própria, aí me olhou tipo "sua criança" e completou com: por que alguém ia mentir que pode malhar se não pode? (nessa hora você racha sua cara de vergonha). Aqui cada uma cuida do seu fozó. Tipo isso... Aí veio o mais espantoso! Meti meu dedo numa máquina de leitura digital e agora só preciso meter meu dedo no lugar se quiser ir malhar! Ou ir a qualquer lugar da academia! É tão lindo! Meto o dedo na porta e ela abre! Não existe a maldita carteirinha que você perde, molha, enfia no c* e depois tem que pagar outra... Os armários da academia são eletrônicos e ativados com uma pulseira flexível digital, você pode molhar a pulseira e ela ainda mede seus batimentos cardíacos durante os exercícios! Muito legal!!! 

Aí fui lá né?! fazer meu transportzinho para recomeçar como, pá ! Empolgada! Aí vejo que as máquinas de transport ao meu lado até então vazias, começaram a encher, e tanto homens como mulheres estavam olhando pra mim esquisito,(Mesmo) comecei a me sentir meio "nua" com tanta gente me olhando e como não sou de ficar calada meti logo um "what's up?". Aí a sueca do meu lado disse: sua bunda é muito grande, bonita, onde você fez essa prótese?! Hahahahahahaha MINHA MÃE QUE FEZ, SOU BRASILEIRA! Aaaaah... Sério!? Deixei a mulher apalpar para acabar a palhaçada. Depois de ter sido patolada, ainda pra coroar, quando fui tomar banho depois de malhar, o banheiro feminino da ZET é todo aberto, todo mundo pelado e não tem uma parede... Hoje voltei fedendo mesmo pro escritório depois do almoço, amanhã crio coragem e vou tentar me desnudar em público. Hahaha... Ah! Quase esqueci do melhor! Tava tocando ACDC, depois meteram IRON, e mais metal grosseiro, só porrada! Malhei empolgadona! Também não ouvi sequer um barulho de homens excitados com epilepsia... Daqueles que ficam fazendo "Grrrrr", "srrrrr", "aiiiii" quando você passa. No geral,gostei, nota 7,5 pra academia sueca."


É só por hoje... =P
Beijos!
8

13 de agosto de 2013

Semana passada foi a vez de fazer a matrícula para o SFI (sueco para imigrantes). Todo imigrante que vem para a Suécia tem o direito de fazer SFI, algumas vezes de graça e outras vezes recebendo para isso, depende de cada caso.

Foto: hermods.se
Para fazer a matrícula para o SFI, você deve ir ao SFI Centrum, levar algum documento com foto e o personnummer. Uma pessoa irá anotar seus dados e pedir para aguardar, além de dar um papel com as informações sobre o curso. Depois disso, outra pessoa irá chamar para uma pequena "entrevista", em que você deverá informar seu endereço, escolher o tipo de curso e em qual escola você quer fazer o SFI. Eu já sabia em que escola eu ia fazer, mas, caso você não saiba, a pessoa irá mostrar as opções mais perto do endereço informado. Depois é só esperar chegar uma carta em casa informando o endereço da escola, a minha chegou em dois dias.

Eu escolhi fazer o curso intensivo de sueco (intesivsvenska). Primeiro, porque ainda não estou trabalhando e tenho mais tempo livre para estudar e, segundo, porque eu quero aprender o mais rápido possível. Nem sempre o curso intensivo é bom para quem está começando no idioma, mas eu já havia estudado um pouco por conta própria antes, além de já ter feito curso de alemão por alguns meses, o que ajuda bastante, já que a estrutura das duas línguas é bem parecida, se não for igual.

A escola que escolhi foi a Hermods e fica perto da T-Centralen. É uma escola muito boa. Se não me engano, é a primeira ou segunda melhor de acordo com os exames de SFI nacionais. Meu namorado estudou em uma escola antes e não gostou, agora ele mudou para a Hermods também. Ele faz aulas às segundas e quartas durante a noite, já eu faço todos os dias de manhã e à tarde.

Comecei minhas aulas ontem. Foi super tranquilo, apesar de que toda segunda tem um espaço de três horas entre os períodos da manhã e da tarde por causa da chegada de novos alunos, então eu fico no centro depois do almoço esperando por um bom tempo. A aula de hoje foi mais puxada, bastante vocabulário, mas daqui a alguns dias eu vou pegando o jeito. Estou na fase "intro" e, para cada fase, você faz um teste na data em que o professor escolher, quando ele achar que você está preparado. Ainda não sei quais são todos os níveis, já me explicaram mil vezes, maaas... Quando eu aprender eu explico em outro post. =P

Ah! O governo também oferece um bônus em dinheiro para quem termina o SFI antes de completar um ano de estudo. O "incentivo" é de 12.000 SEK (coroas suecas), o equivalente a pouco mais de R$4.000,00. Existem outros tipos de curso em que o aluno ganha uma bolsa mensal para estudar, geralmente voltados para uma profissão. Depois de um mês no SFI, eu poderei me matricular, por exemplo, no yrkesvenska, em que a bolsa é de 4.000 SEK mensais.

Agora deixa eu voltar pros estudos... xD
=***


6

12 de agosto de 2013

Aqui estão algumas fotos da Parada Gay que aconteceu no dia 3 de agosto. A parada é enorme e eu gostei muito! É muito divertida, com muita gente mesmo! Achei muito interessante o fato de homossexuais de determinadas profissões terem um blocos na parada como, por exemplo, os policiais gays ou os médicos gays. Além disso, tinha um bloco super legal chamado "pais orgulhosos", que eram os pais dos homossexuais. Dois trios elétricos também passaram com bandas tocando ao vivo, muito boas por sinal!

Foto: Victória Freitas
Foto: Victória Freitas
Foto: Victória Freitas
Foto: Victória Freitas
Foto: Victória Freitas
Foto: Victória Freitas
Foto: Victória Freitas
Foto: Victória Freitas
Foto: Victória Freitas
Foto: Victória Freitas
Foto: Victória Freitas
1

Por Victória Freitas

authorOi, Eu sou a Vic, autora do blog Morando na Suécia.
Quer saber mais?



♢ ♢ ♢

♢ ♢ ♢
Snapchat: stronglica

INSTAGRAM