18 de março de 2015

PERDI MEU CARTÃO DE TRANSPORTE! E AGORA?

Era uma tarde fria de quinta-feira quando eu estava a caminho de casa. Usei meu cartão de transporte (SL Access-kort) para o trem, para o ônibus, e coloquei no bolso da jaqueta.
Talvez eu estivesse de luva quando fui pegar o telefone no mesmo bolso e, por isso, não senti que o cartão estava lá ou que ele tinha caído em algum lugar na rua... Cheguei em casa, mas nem percebi que ele tinha sumido.
Alguns minutos depois, ao me arrumar para ir a academia, percebi que o cartão não estava mais no bolso. Procurei, procurei, e nada. Perdi.

Google images
Fui a pé para a academia, voltei para casa, procurei de novo, e nada...

Fui para a estação a pé na sexta-feira de manhã. Como tenho um cartão extra em casa para as visitas, levei e recarreguei para uma semana. Mas e o que fazer com o cartão que perdi? Que já estava com crédito para um mês de uso?

Bom, o que acontece a partir daqui depende do que você faz com o cartão de transporte quando o adquire. Eu, como sei a cabeça que tenho, cadastrei o número do meu cartão no site: www.sl.se
Quando você cadastra o número do cartão, há possibilidades como fazer recargas online ou recuperar o cartão quando perdido. 

Entrei no site na sexta-feira e registrei a perda do meu cartão. Na mesma hora, o cartão perdido é bloqueado. E o melhor está por vir: já na segunda-feira de manhã, na caixa de correio, estava um cartão novo, com o mesmo número e com todos os créditos que já estavam nele. 

E assim termina minha história feliz. =)

Hej då.
\o/

6 comentários:

  1. Chegando agora no blog! Já estou adorando!! Parabéns moça!

    ResponderExcluir
  2. Olá, Vic!
    Sua tarifa do cartão é de estudante devido ao SAS Grund?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá!
      Quando eu estudava no SFI eu usava a tarifa de estudante porque eu estudava mais do que os 75% que pedem e tinha a logo do SL (transporte público) no meu cartão de estudante.
      Quando comecei o SAS grund eu já não estudava tanto tempo, então já não era mais aceito, a não ser que a pessoa estude mais matérias e complete os 75% ou mais.
      A carteira de estudante da qual falei é a studentkortet, mas no SAS eles oferecem outra que é o mecenat se não me engano. Parei de estudar sueco quando comecei o SAS então eu não sei. Agora que só trabalho, uso cartão de transporte pagando tarifa normal.
      Até!

      Excluir
  3. Que maravilha!!! Mais uma das qualidades da Suécia! Já estou amando mesmo sem conhece-la ainda.

    ResponderExcluir

Por Victória Freitas

authorOi, Eu sou a Vic, autora do blog Morando na Suécia.
Quer saber mais?



♢ ♢ ♢

♢ ♢ ♢
Snapchat: stronglica

INSTAGRAM